Friends From College – 1ª Temporada (2017)

Título Original
Friends From College

Género
Comédia

Criadores
Francesca Delbanco e Nicholas Stoller

Elenco
Keegan-Michael Key, Cobie Smulders, Billy Eichner, Annie Parisse e Jae Suh Park


Um grupo de amigos a enfrentar os problemas da da sua vida.
Toca também nas suas relações e na forma como isso começará a afectar não só o grupo mas cada um deles a nível mais pessoal e individual.


Friends From College é apenas mais uma série de comédia a seguir as passadas de tantas outras antes de si, como Friends, How I Met Your Mother, The Big Bang Theory
Estas são séries que apesar de terem obviamente narrativas muito diferentes, partilham todas a mesma premissa: Um grupo de amigos nos seus 30/40 anos a lidarem com os problemas do dia a dia, problemas que todos nós temos ou iremos ter, mas vistos sob um prisma mais cómico e leve.

Neste sentido, Friends From College não é nada de novo, não vem inovar nem trazer nada de original para a paisagem cada vez mais preenchida com séries de qualidade e realmente originais.
Contudo, não é tão má como muitas críticas podem fazer crer, e merece bem mais que os vergonhosos 26% que tem actualmente no Rotten Tomatoes.

Friends From College tira os seus maiores trunfos a partir da escrita inteligente cómica e satírica que oferece e a partir do elenco diverso e talentoso que reuniu aqui para dar voz e vida a essa mesma escrita.

Os temas que aqui são debatidos são algo que já vimos inúmeras vezes noutras séries, algumas delas sem dúvida de qualidade superior, mas sendo a premissa algo tão humano e comum, seria difícil criar aqui algo de novo.

Ainda assim, consegue oferecer uma variedade considerável nos assuntos que decide atacar: casais a caírem em rotinas, dificuldades económicas, infertilidade, infidelidade, discussões entre pais na forma como querem educar os seus filhos, a dependência em torno das redes sociais, sexismo nas grandes empresas, descriminação…
Em apenas 8 episódios, a forma como consegue saltar constantemente entre temas tão dramáticos e manter um nível decente de comédia e leveza, é realmente louvável e impressionante.

Ainda assim, apesar do seu grande leque de temas ser um aspecto positivo, a longa prazo acaba também por ser um aspecto negativo.
Uma série necessita de ter altos e baixos, necessita de ter níveis diferentes de declive. As personagens irão ter momentos difíceis, irão atingir o fundo do poço e depois, quando tudo parece perdido, existe alguma espécie de redenção, uma salvação e eles voltam a levantar-se e a seguir em frente. E sim, eventualmente voltarão a cair, mas isso é a vida tal como nós todos a conhecemos com os inevitáveis altos e baixos.

O grande problema desta série é que, na sua grande generalidade, as personagens só têm baixos, só têm problemas. São seres humanos extremamente defeituosos que se recusam a reconhecer os seus erros e a tentar seguir a luz ao fundo do túnel.
Nunca há nenhum momento de clareza ou de felicidade real, é caos à volta de todos estes elementos.
São personagens extremamente caóticas e que criam dilemas constantes em relação a tudo e a nada, algo que culmina num final de temporada lamentavelmente desapontante e triste.

Nos aspectos positivos a tirar desta sua primeira temporada está o balanço saudável entre drama e comédia que é aqui criado ao longo dos 8 episódios.
Existe sempre o risco de ser demasiado cómico e não tratar com justiça a seriedade de um dado assunto, ou ser demasiado série e negro e cair num buraco do qual já não é possível sair tão facilmente com uma piada ou duas. Friends From College consegue estar sempre neste limbo sem escorregar para nenhuns destes dois pólos.

Nestas séries de grupos, a maior falha destas personagens é codependência que existem entre eles. Um não consegue viver sem os outros, e vice-versa, contam e partilham tudo.
Esta é a primeira série que consegue atacar esse assunto com seriedade, a explosão emocional de uma outra personagem é a melhor crítica possível a este cliché.

É um temporada extremamente curta, que demonstra muito pouco ou nenhum desenvolvimento e crescimento emocional por parte das personagens.
Mas, isso são falhas que eu espero que sejam focadas e corrigidas numa segunda temporada.


Veredicto Final: 6/10

Friends From College não traz propriamente nada de novo ou original para o pequeno ecrã, contudo consegue tratar temas reais de forma cómica e dramática, criando um contraste saudável e leve.
O maior defeito estará mesmo nas personagens, que são tão defeituosas que tornam por vezes difícil que o espectador crie empatia com qualquer uma delas.
Se gostam de comédias como Friends ou How I Met Your Mother, isto poderá ser algo que vos interesse.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s